Sufrágio universal

Há sempre uns sujeitos a dizer que nós, comunistas, não sabemos viver em democracia. Nada mais falso. A mim preocupa-me tanto a pureza democrática do acto eleitoral que até imaginei um método para o aperfei­çoar. A sugestão aqui fica, já em forma de decreto, para o caso de os deputados a quererem aproveitar:

“Artigo único — Sendo conhecido que as desigualdades sociais distor­cem gravemente a genuína expressão da vontade dos cidadãos, será intro­duzido a partir de agora o seguinte factor de correcção na contagem dos votos dos eleitores:

capitalistas e proprietários ……………………………………….. I  voto

assalariados em geral …………………………………………….. 2  votos

assalariados produtivos……………………………………………. 5 votos”

Espero que não surjam resistências tacanhas à aplicação desta medida.

F.M.R.

Política Operária  nº 30, Maio-Junho 1991

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s